instituto das religiosas do sagrado coração de maria
 
província portuguesa
 
IRSCM CEJG Comtigo FASCM Lares Obra Social Residências Universitárias Lares Universitários IRSCM CEJG Comtigo FASCM Lares Obra Social Residências Universitárias Lares Universitários Lares Obra Social Residências Universitárias Lares Universitários Lares Obra Social Residências Universitárias
 
Próximos Eventos
Não existem eventos a apresentar.
 
 

PRESERVAR A MEMÓRIA COM OS OLHOS POSTOS NO FUTURO [ 09-06-2022 ]


Dia Internacional dos Arquivos | 9 de junho de 2022

Na semana em que se comemora mais um Dia Internacional dos Arquivos, as Religiosas do Sagrado Coração de Maria em Portugal dão a conhecer o seu Arquivo, que as convenções denominam de “histórico”, mas que os (nossos) corações intitulam de “memória”.

Desde a primeira menção ao “Arquivo Provincial” no ponto 436 das “Constituições Antigas”, corria o longínquo ano de 1850, até à brevíssima alusão ao “Arquivo da Província” no ponto 48b das “Constituições Novas” (1983), as Religiosas do Sagrado Coração de Maria em Portugal (e no Mundo) percorreram um longo caminho na preservação e consolidação da sua memória institucional e coletiva. Aquele, nem sempre fácil, tantas vezes sinuoso, mas sempre iluminado pelo “Sagrado Coração de Maria”, teve nos anos de 1997, com a criação e ação do Grupo Arquivos, e 2008, com o estabelecimento do Arquivo Histórico no Solar da Torre (Braga), dois momentos de viragem para o futuro.

Atualmente e desde 2016, funciona da referida casa solarenga o Arquivo Histórico do Instituto das Religiosas do Sagrado Coração de Maria em Portugal, um lugar de memória(s), onde o passado, o presente e o futuro se perdem e encontram num lapso temporal que tudo parece permitir, desde uma conversa com os fundadores, até à aprendizagem de um ofício no Patronato, passando por umas brincadeiras na Obra Social depois de rigorosos momentos de estudo no Colégio, sem esquecer a espreitadela curiosa ao Noviciado. Ali tudo pode, está e continua a acontecer e é com os olhos postos no futuro que em breve contamos “dar o salto” para o mundo digital com a disponibilização on-line do nosso catálogo e depois? Bem, depois será o que Ele quiser, mas temos para nós que, com a Sua ajuda, (nem) o céu será o limite.

Anabela Costa, Arquivista do IRSCM | Portugal